Colégio de Aplicação UFSC

O Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Santa Catarina, criado em 1961 com o nome “Ginásio de Aplicação”, surgiu com o objetivo de servir de campo de estágio para os estudantes do então curso de Didática, da Faculdade Catarinense de Filosofia. Iniciando com apenas a 1ª série ginasial, o número de turmas foi aumentando com o passar dos anos e, em 1970, ano em que foi renomeado como Colégio de Aplicação, já havia duas turmas para cada série. 

Localizado no Campus Universitário, no bairro Trindade, atualmente o Colégio de Aplicação atende ao Ensino Fundamental e Médio, baseando sua política educacional na tríade acadêmica de pesquisa, ensino e extensão, além de desenvolver diversas práticas pedagógicas e estágios supervisionados para os cursos de Licenciatura e Educação, buscando se aproximar cada vez mais da Universidade.  

Por possuir uma condição diferenciada dos demais colégios públicos, em relação à infraestrutura e verba, o Colégio de Aplicação desenvolve muitos projetos, nas diversas áreas do conhecimento, incentivando os alunos a iniciarem, desde cedo, em atividades de produção acadêmica.  Dentre os projetos desenvolvidos pelo colégio o PIBID participa de quatro, são eles: Córdoba, Chê Mané, Nós Propomos e Pés na estrada do conhecimento.  

Para saber sobre o Colégio de Aplicação acesse: http://www.ca.ufsc.br/ 

Para conhecer mais do material produzido pelos professores e estudantes do Colégio de Aplicação, acesse:

http://geografando.paginas.ufsc.br/ e

https://geoaplicacao.wordpress.com/